O mistério do relógio na parede

Coisas distintas da nossa realidade, sempre nos fascina. Quando os seres vivos têm a oportunidade de utilizar a criatividade, tendemos desenvolver diversas perguntas “e se …?”. – O filme “O mistério do relógio na parede”, é um longa-metragem interessante, que demonstra o lado divertido da magia e, aprendizados.

Antes de detalhar o que foi escrito anteriormente … O filme é dirigido por Eli Roth (O Albergue); roteirizado pelo Erick Kripke (Supernatural – Série) e John Bellairs (Autor do livro “O mistério do relógio na parede”.), e não menos importante, estrelados por Jack Black (Jumanji), Cate Blanchett (Thor : Ragnarok) e, Owen Vaccaro. – Superficialmente descrevendo a sinopse : após um acontecimento, o garoto denominado Owen, vai morar com seu tio, Jonathan (Jack Black). Porém, ao morar com seu tio, Owen passará por novas experiências, boas e ruins.

De acordo que foi registrado no primeiro e segundo parágrafo, é conclusível que a obra cinematográfica é divertida. Desde o começo, o filme é cômico; felizmente, o entretenimento é desenvolvido inteligentemente, pois, mesmo sendo engraçado, os roteiristas sabem o momento da seriedade; exibindo temas humanísticos. Por causa desses detalhes, cuidadosamente elaboradas, o longa-metragem é agradável para todas gerações.

Tudo isso, funcionou pelo desempenho dos profissionais. O diretor realizou ótimo trabalho; os roteiristas executaram um bom serviço, construindo boa narrativa para a história e interações entre os personagens principais; por fim, as estrelas do filme, entregam o que o roteiro solicitava. As atuações são dignas; a personalidade de Jack Black combinou com o seu papel. Cate Blanchett, interpretando Sr. Zimmerman, se sentiu à vontade; e, Owen Vaccaro demonstrou sua potencialidade; representando muito bem as características de Lewis.

Diante das informações, ao grosso modo, “O mistério do relógio na parede” é uma obra cinematográfica agradável para todas as idades; um longa-metragem de família, onde todos saem ganhando pela experiência, que o filme oferece.

Autor: Evandro Canuto de Sa

Olá, como estão leitores críticos ? Revelando (Pouco) o meu ser, eu nasci em 1999, na cidade de Bauru-SP. - O que levou eu criar esse site, foi pelo gostar de escrever textos que estimulam, o senso crítico e criatividade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s